Características do Barroco

As principais características do barroco estão ligadas ao teocentrismo da Idade Média e ao racionalismo do Renascimento Cultural. As principais características da arte barroca são:

  • Conflito entre a fé e a razão;
  • Exploração do cultismo e do conceptismo;
  • Abordagem de diversos temas;
  • Jogo de cores, luz e sombra;
  • Tensão entre o corpo e a alma.

Principais Características da Arte Barroca

As principais características da arte Barroca são:

  • O conflito entre a fé e a razão

O Barroco nasceu na época em que Reforma Protestante fez com que a Igreja Católica perdesse um pouco de espaço e poder na sociedade, mas ela não deixou de exercer sua influência em todos os aspectos, inclusive na arte.

Portanto, as obras desse período enfatizam a questão do teocentrismo, fruto de uma sociedade religiosa vinda da Idade Média, em conflito com a lógica e a razão, o novo modo de pensar instituído pelo Renascimento Cultural e que deu origem à Reforma Protestante e à Contrarreforma.

  • Exploração do cultismo e do conceptismo

O cultismo é um estilo literário desenvolvido no barroco que significa “jogo de palavras” e valoriza a forma do texto utilizando uma linguagem muito culta, rebuscada e ornamental.

Já o conceptismo significa “jogo de ideias” e valoriza o conteúdo do texto muito mais do que a sua forma. Esse estilo preza pela racionalidade de uma sequência lógica das ideias e pela concisão. Diferente do cultismo que preza pela descrição e o exagero.

  • Abordagem de diversos temas

Os temas retratados pelos artistas barrocos são variados, tendo muitas representações de cenas bíblicas, como nas obras “O Sacrifício de Abraão”, “O Sepultamento de Cristo” e “A Descida da Cruz”, e também mitológicas, como “Vênus e Adônis” “Medusa” e “Baco”. Além desses temas, eles também abordavam o cotidiano da burguesia e dos nobres.

  • Jogo de cores, luz e sombra

Os pintores barrocos usavam muitas cores quentes com a finalidade de transmitirem medo, realismo, sensualidade e teatralidade.

Também faziam o jogo do claro e escuro para intensificar a sensação de profundidade e sempre colocavam a luz para focar na cena principal da pintura, como na obra “Vocação de São Mateus” de Caravaggio.

  • Tensão entre o corpo e alma

Durante o barroco iniciou-se um conflito entre os prazeres renascentistas, que defendiam o gozo mundano que favoreciam o corpo, alegando que tudo era passageiro, e o fervor religioso, que prezava pela salvação da alma e vida eterna.

Os ideais barrocos defendiam que não era possível gozar do mundo e preservar a alma ao mesmo tempo, por isso muita tensão foi gerada nessa época, principalmente em muitos artistas que depois de viverem prazeres radicais, buscavam o perdão divino.

Características do Barroco no Brasil

As características do barroco brasileiro se destacaram nos seguintes aspectos:

  • Nas Igrejas

Aproximadamente 115 Igrejas foram construídas no Brasil durante o Barroco. A construção delas foi uma tentativa de reforçar a dominação católica e serviu como uma resposta à Reforma Protestante que separou os fiéis entre católicos e protestantes.

  • Em Minas Gerais

Minas foi o local de maior destaque no desenvolvimento da arquitetura barroca no Brasil.

As características do barroco mineiro são a criatividade no uso de técnicas e mão de obra, além da utilização materiais próprios, principalmente o ouro, porque era uma região que se tornou rica através da descoberta de jazidas desse mineral.

A exploração do ouro no século XVIII ficou conhecida como “Ciclo do Ouro” e foi nessa época que igrejas como São Francisco, Rosário dos Pretos, Nossa Senhora do Carmo e Bom Jesus de Matosinhos foram construídas.

Aleijadinho foi o maior arquiteto de Minas Gerais e um dos maiores artistas do barroco.

  • Na exuberância dos detalhes e ornamentos nas Igrejas

As principais características da arquitetura barroca são o detalhismo e a ornamentação exuberante. Nesse período começaram a ser desenvolvidas fachadas curvilíneas que não existiam antes.

A Capela de São Francisco de Assis, localizada em Ouro Preto, Minas Gerais, é o melhor exemplo de riqueza de detalhes e ornamentos desse período.

Ela tem uma imagem de Nossa Senhora da Conceição, logo no alto da porta principal, e logo mais acima um medalhão com São Francisco. Seu interior é revestido com madeira nas paredes e nos tetos, acabamentos de ouro no altar e pinturas de anjinhos, flores e espinhos nas laterais.

  • Na pintura

Uma das características da pintura barroca era o uso da profundidade para tentar aproximar o homem do divino, principalmente com pinturas de céu nos tetos das igrejas.

Telas pintadas começaram a ser encomendadas no período barroco como uma forma de agradecer algum acontecimento bom na vida e isso fez com que a pintura ganhasse mais espaço.

  • Na literatura

As principais características da literatura barroca são: o uso da linguagem muito rebuscada e hipérboles, antíteses, metáforas e alegorias em temas líricos, satíricos, eróticos e religiosos, tanto nos poemas, quanto em outros tipos de textos.

Barroco em Portugal

Portugal estava passando por uma crise econômica, política e social que era fruto do conflito entre o humanismo renascentista e o medievalismo religioso que toda Europa estava enfrentando. Por isso as características do Barroco Português são as mesmas dos demais países europeus: contrastes, temáticas religiosas, linguagens complexas e jogo de luz, sombra e cores.


Leia também:

Barroco no Brasil – Resumo da Arte Barroca

Principais Autores do Barroco

Quinhentismo, Barroco e Arcadismo

Exercícios – Barroco e Arcadismo

Arcadismo no Brasil – Resumo