Fatores Determinantes da Distribuição Populacional

Quais fatores influenciam o povoamento? A distribuição populacional mundial e brasileira não é uniforme e há fatores físicos, naturais e econômicos que explicam a existência de áreas de grandes concentrações ao lado de grandes vazios populacionais.

Fatores Físicos ou Naturais da Distribuição Populacional

As áreas mais favoráveis à ocupação humana são, por exemplo, as de clima temperado, os planaltos tropicais, as planícies; os vales e deltas fluviais e as de solos férteis.

Entre as áreas desfavoráveis estão as regiões polares, os desertos, as elevadas altitudes e as florestas equatoriais. A vegetação e a fertilidade do solo também influenciam na ocupação humana.

Locais próximos de rios ou lagos também são os preferidos pela população, já que favorecem a agricultura e o sustento familiar.

Fatores Naturais que Explicam os Vazios Demográficos

O clima é um dos fatores naturais desfavoráveis que explicam os vazios demográficos. Regiões que possuem clima muito quente ou muito frio acabam sendo rejeitadas. A vegetação nativa que não foi modificada pelo homem também acaba desestimulando a ocupação de certos locais.

Terrenos muito acidentados e montanhosos também tornam inviável e desconfortável a vida em certas regiões.

Por Que a Área dos Polos Apresenta Baixa Concentração Populacional?

O frio intenso dos polos é a razão pela qual as regiões apresentam baixa concentração populacional, que não é nada convidativo para a vida cotidiana.

Fatores Históricos


De modo geral, as áreas de povoamento mais antigas costumam ser mais habitadas que as de povoamento mais recentes. De fato, as maiores concentrações populacionais do mundo (Extremo Oriente Oeste da China, Coréia e Japão), Ásia das monções (sul e sudeste asiáticos), Europa centro-ocidental confirmam essa regra.

O Nordeste brasileiro pode ser considerado uma das exceções à regra, pois, apesar de ser a região brasileira de mais antigo povoamento e de ter sido a mais populosa e povoada por muito tempo, perdeu essa posição para o Sudeste, em virtude do maior desenvolvimento econômico dessa região.

Fatores Econômicos

Na realidade, esses fatores deveriam estar enquadrados entre os históricos, entretanto estamos considerando-os separadamente para melhor esquematizá-los.

As atividades econômicas são bastante diversificadas quanto às formas de produção, à natureza e à finalidade dos produtos. Em função desses fatores, as atividades econômicas acarretam maior ou menor concentração populacional, já que as pessoas migram em busca de renda.

Assim, as áreas de agricultura extensiva mecanizada e de pecuária extensiva, por exemplo, apresentam pequena concentração e baixa densidade demográfica, pois requerem pequena quantidade de trabalho por área, ou seja, a relação trabalho-área é baixa (pradarias norte-americanas e canadenses, pampa argentino, Campanha Gaúcha etc.).

No entanto, as áreas de agricultura antiga e intensiva (geralmente de povoamento antigo) costumam apresentar densidades mais elevadas em virtude de a relação trabalho-área ser maior (planície chinesa, Sudeste asiático etc.).

As atividades industriais e de prestação de serviços, pela sua própria natureza e dinâmica, costumam acarretar grandes concentrações populacionais, como o nordeste dos EUA, a Europa ocidental e o eixo São Paulo/Rio de Janeiro.

Distribuição da População Brasileira

distribuicao-da-populacao-brasileira

A população brasileira está irregularmente distribuída no território e as regiões nordeste e sudeste são as mais populosas do país.

A região sudeste é a mais populosa do Brasil e isso acontece devido a fatores econômicos, já que é a área mais industrializada e disponibiliza mais empregos do que as demais, além de ter um clima favorável e com chuvas melhores distribuídas do que o Nordeste, por exemplo.

Já o Nordeste possui uma população numerosa por conta de fatores históricos, já que foi lá que começou a colonização, e sociais, como a falta de planejamento familiar.

A região norte é, em maioria, floresta, o que dificulta o desenvolvimento social e econômico da população desse local, além de favorecer a migração para outras regiões. Já o centro-oeste sofre com os solos pobres e o clima excessivamente seco no verão, o que, além de provocar problemas de saúde na população, desfavorece a agricultura.

Quais Razões explicam o Maior Povoamento no Interior do País?

Os dois principais fatores que explicam a maior concentração populacional no interior do país são o aumento do preço das terras litorâneas e o incentivo governamental que oferece melhores oportunidades de empregos públicos no interior e incentivo ao agronegócio, por exemplo.


Mais Sobre esse Assunto: