Os maciços antigos

Os maciços antigos tratam-se de uma urna das primeiras formações rochosas terrestres, constituindo-se em blocos imensos de rochas antigas, conhecidos também como escudos. São feitos por rochas cristalinas, magmáticas e metamórficas, formadas na era Proterozóica. Por isso, apresentam maior resistência à erosão, embora já tenham sido bastante desgastados, o que pode ser notado pelo seu formato mais arredondado.

maciços antigos

Principais maciços antigos do mundo

Agora vamos identificar os principais maciços antigos da Terra:

Europa 

Os maciços antigos são encontrados sobretudo na porção centro-norte do continente. De modo geral, os maciços apresentam grande importância econômica, pois abrigam extensas reservas de minérios. Na Europa, porém, são particularmente pobres. As raras exceções são algumas reservas expressivas de minério de ferro. Os mais importantes maciços antigos europeus são os:

Alpes Escandinavos

Situados na península do mesmo nome, estendem-se pela Noruega e Suína. Sua importância econômica reside na ocorrência de algumas jazidas de minério de ferro.

Montes Urais 

Têm importância política, pois separam a Rússia europeia da Rússia asiática. Apresentam também algumas jazidas minerais de grande importância comercial.

Montes Pepinos

Ocupam boa parte da Grã-Bretanha. Durante a Revolução Industrial, suas reservas de ferro foram intensamente exploradas e, hoje, estão praticamente esgotadas.

América

Os maciços antigos concentram-se na porção leste. Na América do Norte, são destaques:

Planalto do Liberador 

Situado na península do mesmo nome, no Canadá. Apresenta muitos rios planálticos, com grande potencial hidrelétrico.

Apalaces 

Posicionados paralelamente à costa atlântica norte-americana, estão em parte recobertos por rochas sedimentares com grandes jazidas de carvão mineral. Esse recurso energético tem sido utilizado desde os primórdios da industrialização dos Estados Unidos.

Platô dos Grandes Lagos 

Envolve os Grandes Lagos, que fazem a fronteira natural entre os Estados Unidos e o Canadá. É importante do ponto de vista econômico por possuir grandes reservas de minério de ferro, que  ao lado do carvão mineral dos Apalaçais  impulsionou a industrialização dos Estados Unidos a partir do século XVIII.

Maciço das Guianas

Localizado entre o extremo norte do Brasil e os países vizinhos (Venezuela, Guiana, Suriname e Guiana Francesa). Nesses planaltos encontram-se as nascentes do rio Negro que, nas proximidades da cidade de Manaus, encontra-se com o Solimões para formar o Amazonas.

Maciço Brasileiro 

Compõe grande parte do Centro-Sul do Brasil. Sua importância econômica reside na presença de grande variedade e quantidade de recursos minerais, sobretudo metálicos, como o ferro e o manganês. Além disso, sua densa rede hidrográfica, predominantemente planáltica, apresenta grande potencial hidráulico, que em grande parte já é explorado.

África

A África é o continente que tem a maior porcentagem de suas terras formadas por maciços antigos cristalinos, fato evidenciado por seu litoral retilíneo e pelo relevo desgastado. Daí sua grande riqueza em minerais metálicos e em pedras preciosas, especialmente ao sul, onde afloram os terrenos cristalinos. Dos metais mais consumidos pela atividade industrial, pelo menos trinta ocorrem em larga escala na África.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>