» » Erosão Fluvial

Erosão Fluvial

A erosão fluvial é aquela causada pelas águas dos rios no solo à sua volta. É um tipo de erosão que ocorre naturalmente, devido a um curso de água constante correndo de forma linear.

Ela ocorre em dois sentidos, tanto em profundidade, quanto lateralmente, aumentando a largura do rio e criando os chamados bancos de areia ao sei redor.

A Erosão fluvial é agravada quando as margens do rio não possuem vegetação, e pode ser tão intensa a ponto de fazer com que um lado do rio desabe sobre a água, sendo perigosa em locais onde existem construções próximas a cursos de água.

Passos da erosão fluvial

Em um primeiro momento, a erosão fluvial ocorre apenas verticalmente, ou seja, em profundidade. Nessa fase, os rios têm um formato de V.

Posteriormente, quando o fundo do rio atinge uma profundidade suficiente, se inicia a erosão lateral, aumentando a largura do rio.

A erosão fluvial se torna mais intensa, no entanto, nos períodos de cheias ou durante as chuvas, pois existe um maior volume de água movimentando as partículas do solo e as carregando para longe.

Além do movimento da água em si, as partículas carregadas pela água, como pedras e areia, também são responsáveis pela erosão do solo, em um processo conhecido como tração, através do atrito dessas partículas contra o solo por onde passam.

A maior parte da erosão fluvial ocorre perto da nascente do rio.

Como os rios se movem

O lado mais comprido do rio, e mais largo, possui menor erosão, e é onde os sedimentos tendem a se depositar. As regiões mais estreitas e com curvas mais fechadas, por outro lado, são mais erodidas.

Dessa forma, os rios vão mudando sua conformação e forma ao longo dos anos, através dessa constante erosão e deposição de sedimentos pelo seu leito.

Como prevenir a erosão fluvial

A erosão fluvial pode ser prevenida através da manutenção da vegetação nativa nas margens dos rios, ou da plantação de novas espécies vegetais, para proteger o solo.

Atualizado em: 23/07/2018 na categoria: Geografia Geral