» » Migração Temporária

Migração Temporária

Migração temporária é um tipo de migração no qual as pessoas moram por períodos predeterminados em uma outra cidade, estado ou país com objetivo de trabalhar ou estudar. Boias-frias e intercambistas são alguns exemplos de pessoas que fazem migração temporária.

Por que as pessoas fazem migrações?

A busca por sobrevivência é a justificativa mais antiga para as migrações. Em tempos mais remotos, ainda com as primeiras civilizações, era isso que movia os ancestrais nômades – em busca de melhores condições ou recursos que haviam se esgotado em seu local de origem. Era um movimento de constante adequação.

Na era da globalização, a principal motivação para as migrações populacionais é a econômica, incluindo emprego, melhores salários, condições de trabalho ou qualidade de vida.

Quais são os tipos de migração?

As migrações são diferenciadas de acordo com três variáveis: o espaço de deslocamento, tempo de permanência e justificativa para a migração.

Deslocamento

Internacional (de um país para o outro) ou interna (dentro do mesmo país, sendo subdividida em inter-regional (de um estado para outro) e intrarregional (dentro do mesmo estado).

Tempo de permanência

Definitiva (indivíduo mora no destino permanentemente, isto é, para o resto da vida) ou temporária (residência por período pré-estabelecido, geralmente, seguindo um acordo com o governo local).

Justificativa ou forma de migração

Espontânea (indivíduo toma a iniciativa de se mudar, por razões políticas, econômicas ou culturais) ou forçada (indivíduo precisa se mudar, por exemplo, em razão de catástrofes naturais, como deslizamentos após chuvas intensas, períodos de seca ou terremotos).

Atualizado em: 04/04/2019 na categoria: Geografia Geral