América do Norte – Economia, Clima e População

A América do Norte faz parte do Continente Americano e nela estão localizados os países do Canadá, Estados Unidos e México, que são independentes,  além das Bermudas (britânico), Groenlândia (dinamarquês), Ilha de Clipperton, e Saint Pierre et Miquelon (francês), como dependências.

Sua área abrange 18.680.276km², incluindo extensas áreas desabitadas, e está assentada sobre sua própria placa tectônica, a Placa Norte-americana, que abrange também parte da Ásia oriental.

A América do Norte é limitada pelo Oceano Glacial Ártico ao norte, a leste, pelo Oceano Atlântico, a sul pela América Central, pelo Golfo do México e Mar das Caraíbas, e a oeste pelo oceano Pacífico.

Economia da América do Norte

A economia da América do Norte é marcada pela diversidade de serviços e produtos nos ramos da Indústria, Agricultura, Mineração e Petróleo, entre outros.

A grande maioria de sua mão de obra é especializada, a tecnologia é amplamente utilizada, e há diferenças quanto à produção do Estados Unidos e Canadá, ao norte, e do México, ao sul, assim como desigualdades regionais dentro de cada país, já que eles possuem dimensões continentais.

Um acordo de livre mercado com o intuido de por fim às barreiras tarifárias foi criado em 1992 entre os três países principais da região, o Northern American Free Trade Agreement (NAFTA).

Indústria




A mola que move a economia da América do Norte é, com certeza, o setor industrial dos Estados Unidos e Canadá. A tecnologia de ponta e a mão de obra especializa é característica marcante desse setor, responsável por grande parte dos produtos manufaturados de todo Continente Americano, como automóveis, eletrodomésticos e eletroeletrônicos.

As regiões dos Grandes Lagos, no nordeste dos Estados Unidos e leste do Canadá, e do Vale do Silício, na Califórnia, sudoeste dos Estados Unidos, são onde se encontram a indústria pesada.

Quanto ao México, seu setor industrial é um dos mais desenvolvidos da América Latina, mas não em condições de competir com Estados Unidos e Canadá. Destacam-se as produções de alimentos industrializados, produtos químicos e têxteis, nas regiões de Guadalajara e Cidade do México.

Destacam-se também as indústrias especializadas na montagem final de produtos importados, que ficam concentradas no estado de Sonora, no México.

Agricultura

A agricultura da América do Norte é diversificada, incluindo a cultura de soja, milho e trigo, além de frutas de clima frio e quente, nas planícies localizadas no sul do Canadá e no sudoeste dos Estados Unidos, com o uso de grande aparato tecnológico e ajuda do governo para manter a competitividade no mercado interno e externo.

O México é um grande produtor de milho e feijão, que são os principais alimentos da população mexicana, além, também, de frutas, café, sisal, soja e algodão, que são os principais produtos exportados. O desenvolvimento da agricultura sustentável é prejudicada, no México, devido à concentração de terras.

Pecuária

A pecuária é bastante presente na América do Norte, com a presença de rebanhos ovinos na parte sul do Canadá, e de bovinos nos Estados Unidos, principalmente no sudeste e centro oeste do país, o que faz a produção de leite e derivados ser forte, tudo com emprego de tecnologia de ponta. No México há presença de rebanhos suínos e bovinos.

Mineração e Petróleo

Há grandes reservas minerais de petróleo no centro sul da América do Norte, no Alasca, oeste do Canadá e leste do México, além de reservas de gás natural. O Golfo do México é marcado pela presença de inúmeras plataformas de extração de petróleo.

No norte do Canadá, há grande exploração de urânio. Nas regiões desérticas do México, há exploração da prata. Depósitos de carvão, chumbo, zinco, cobre, níquel estão espalhados por toda a América do Norte.

População da América do Norte




A América do Norte possui, aproximadamente, uma população de 490 milhões de habitantes, com os EUA na liderança com maior quantidade de habitantes: 324,1 milhões de habitantes. Logo depois vem o México, com 128,6 milhões de habitantes e, por último, o Canadá, com 36,2 milhões.

Em relação à densidade populacional, o México ganha dos demais países, com 66hab./km², com EUA logo em seguida, com 35hab./km² e Canadá, com somente 4hab./km².

A população da América do Norte é extremamente diversificada, fruto da miscigenação entre os povos indígenas com os europeus colonizadores, além dos africanos trazidos como escravos na época da colonização. A partir do século XX, com a migração de vários povos vindos da Europa e Ásia, além da América Central e do Sul, a população ficou ainda mais variada.

Nos Estados Unidos, o idioma que predomina é o inglês. No Canadá são o inglês e o francês, e no México é o espanhol. Os Estados Unidos é considerado uma grande potência mundial, devido a forte industrialização e seu desenvolvimento econômico. Uma característica negativa marcante da população do país é o racismo e a xenofobia, a intolerância contra negros, latinos e pessoas vindas de outros países.

No Canadá, a população é predominantemente urbana, e destacam-se as regiões metropolitanas de Montreal, Vancouver, Toronto e Ottawa, que somam até 15 milhões de habitantes. A população do país é multicultural, possui baixa taxa de natalidade e população envelhecida, com programas de incentivo para a migração de estrangeiros para o país, que correspondem a 50% da população.

O México se diferencia dos EUA e do Canadá por não fazer parte do grupo dos países desenvolvidos, com população semelhante as das demais dos outros países latinos. 80% de sua população é urbana, com destaque para a capital, Cidade do México, com 19 milhões de habitantes.

Clima da América do Norte

São 5 regiões climáticas principais nas América do Norte:

    • Climas árticos, com longos invernos e verões curtos, chuvas raras, neve e gelo na maioria do tempo, no Alasca e em grande parte do Canadá;
    • Grande variedade climática nos Estados Unidos e no sul do Canadá, com estações bem definidas;
    • Chuvas raras e variação de temperatura em virtude das altitudes no interior ocidental dos Estados Unidos e em grande parte do norte do México;
    • Clima temperado na zona estreita entre o oceano Pacífico do Sul do Alasca ao Sul da Califórnia, com chuvas raras no verão;
    • Clima tropical e quente na parte meridional do México, com chuvas forte, principalmente no verão, com mudanças bruscas de temperatura na mesma estação, o que contribui para a formação de furacões no golfo do México.

Veja também: Relevo, Hidrografia e Cultura da América do Norte.