Regiões tropicais ou zonas tropicais

As zonas tropicais estão situadas entre as latitudes 27°27’30” norte e sul do Equador, ou seja, entre os trópicos de Câncer e Capricórnio. As principais regiões tropicais são a África (exceto os extremos norte e sul), a Ásia das monções (sul e sudeste asiáticos), o norte da Austrália, o México, a América Central e a maior parte da América do Sul (centro e norte), além de centenas de ilhas dos oceanos Pacífico, Atlântico e Indico.

Do ponto de vista socioeconômico, a característica mais importante das zonas tropicais é a presença dos países pobres ou subdesenvolvidos, o chamado Terceiro Mundo.

É importante salientar que o fato de a maioria dos países subdesenvolvidos estarem situadas nas zonas tropicais não quer dizer que eles são subdesenvolvidos porque são tropicais. A mesma colocação é válida para os países desenvolvidos: não é correto afirmar que eles são desenvolvidos por estarem situados em zonas temperadas.

Embora o clima bem como outros fatores naturais (solo, subsolo, relevo etc.) possa exercer maior ou menor influência no desenvolvimento de um país, não são eles que determinam a situação de desenvolvimento ou de subdesenvolvimento. Essa situação é determinada pelos fatos e acontecimentos políticos, sociais e econômicos ocorridos ao longo da história de cada nação.

Quanto ao clima, sua principal característica é o predomínio de temperaturas elevadas, bem como a ausência de uma estação propriamente fria. Como as temperaturas são em geral elevadas, o principal elemento diferenciador dos subtipos climáticos é a pluviosidade (e às vezes a altitude). Assim vamos encontrar, por exemplo, clima quente e úmido, quente e seco e tropical de altitude.

Veja, a seguir, os principais subtipos do clima tropical e suas respectivas formações vegetais.

– Clima tropical úmido ou chuvoso, também conhecido por clima equatorial. Ocorre em áreas de baixas latitudes e baixas altitudes, como a Amazônia, por exemplo. As temperaturas são elevadas e as precipitações, abundantes na maior parte do ano. As amplitudes térmicas anuais são baixas (inferiores a 3°C) e a evaporação muito elevada. A vegetação é rica e exuberante, do tipo perene, hidrófita e lati foliada como a Floresta Amazônica.

– Clima tropical alternadamente úmido e seco. E o mais típico. (Ocorre, por exemplo, no Brasil). Sua principal característica é a altersil das estações úmida (com chuvas de verão) e seca (no inverno). A amplitude térmica é mais elevada que no clima equatorial e a precipitação é inferior também ‘a do equatorial, bem como à do monçonico. As formações vegetais típicas ‘são a savana (na África) e o cerrado (no Brasil central).

– Clima tropical monçonico. Ocorre principalmente no sul e sudeste da Ásia (Ásia das monções) e no litoral leste da África. Apresenta verões quentes com chuvas abundantes ou torrenciais e invernos secos. As chuvas provêm dos ventos úmidos que sopram do oceano para o continente (monções de verão) e as secas são decorrentes dos ventos secos que sopram do continente para o oceano (monções de inverno). A vegetação é constituída de florestas densas e úmidas (florestas tropicais).

– Clima tropical árido e semiárido. Ocorre normalmente próximo aos trópicos, nas zonas de altas pressões atmosféricas. As temperaturas são muito elevadas (entre as mais altas do mundo) e as precipitações muito baixas e mal distribuídas. Principais áreas de ocorrência: norte do México sudoeste dos EUA (regiões desérticas e semidesérticas), norte da África (Deserto do Saara), Oriente Médio (Deserto da Arábia Saudita), noroeste da Índia (Deserto de Thar), norte do Chile sul do Peni (Deserto de Ataca ma), sudoeste da África (Deserto de Kalahari), Austrália central (desertos australianos) e Região Nordeste brasileira (sertão). A vegetação é do tipo desértico ou xerófilo.

Por tanto, as zonas tropicais são zonas térmicas da Terra e estão presentes tanto no hemisfério norte como no sul.

12345 (7 votes, de: 3,86 out of 5)
Loading...Loading...

Faça um comentário!